[Resenha] O Rei Perdido - por Nilton Alves

Olá amigos hoje trago para vocês a resenha do Livro "O Rei Perdido" da autora Rafaela Polanczyk.

Informações Técnicas:
Livro: O Rei Perdido
Autora: Rafaela S. Polanczyk
ISBN-13: 9788566115260
ISBN-10: 8566115260
Ano: 2014 / Páginas: 398
Idioma: português
Editora: 3i Editora 


Sinopse

O menino foi levado para uma praia distante, onde ficou deitado na areia, possivelmente morto, lutando para voltar à parte racional de sua mente. A última coisa que viu foi um túnel profundo e sem luz, que o engoliu e trouxe de volta para a realidade.

A vida de Raul era muito tranquila, isso antes de encontrar a pedra e as alucinações e visões começarem a perturbá-lo. Ele sabia que nunca teria sua vida tranquila de volta. E estava certo. 

As alucinações eram somente o começo de algo maior, muito maior: uma jornada que levaria o garoto a rever tudo em que acreditava e tudo que sabia. Uma jornada na qual sua vida e a de um mundo inteiro estavam em jogo.

Resenha

A história trata-se de uma fantasia aonde teremos como personagem principal Raul um garoto de 16 anos que depois que acha uma pedra na praia começa a ter visões e alucinações.

Raul não tem uma convivência muito Boa com seu pai e um dia acaba fugindo e encontrando um portal que o leva a outro mundo. Chegando lá a primeira pessoa que ele encontra é Layla, a garota que ele viu em uma de suas visões e que ele desenhou em uma Folha de papel e juntos vão enfrentar um vilão terrível que odeia o povo e que inventa leis inúteis e quem não segue é preso ou morto.
Esse mundo é chamado de Jolebon e vive sobre a tirania de Pervesus um governador tirano.

Ao longo da história Raul e Layla vão alternando entre os dois mundos realizando missões para acabar com o caos instalado em Jolebon. Juntos vão fazer novas amizades, ser traídos, descobrir segredos e se aventurar em busca da Paz.

A história é narrada por Layla e a cada capítulo lido mais mistérios nos são revelados sobre a ligação que Raul tem com esse novo mundo.

Adorei todos os personagens em especial Layla uma Garota corajosa e que quer provar o tempo todo que por ser uma garota sabe muito bem se defender e defender todos que ela ama. Ela odeia as regras que interfere na maneira de como uma mulher deve se comportar sendo muitas vezes impedidas de fazer algo simplesmente por ser uma mulher. 
Gostei de como o Raul foi se desenvolvendo e virando quem ele foi destinado a ser. O herói que todos esperavam a tempos, aquele que traria de volta os tempos de glória de Jabolan.

Gostaria de agradecer a autora por mim confiar sua obra e pela ótima leitura que tive. 

Dou 5 estrelas e estou ansioso para ler o segundo volume desse história bastante envolvente e cheia de reviravoltas e surpresas.