[Resenha] Meu Amigo Dahmer - por Nilton Alves

Informações Técnicas :

Livro: Meu Amigo Dahmer
Autor: Derf Backderf
ISBN-13: 9788594540355
ISBN-10: 8594540353
Ano: 2017 / Páginas: 288
Idioma: português
Editora: DarkSide Books

Sinopse:

MEU AMIGO DAHMER traz o perfil do psicopata Jeff Dahmer quando este ainda era um aluno do ensino médio. O autor do livro foi seu colega de turma nos anos 1970, e conviveu com o futuro “canibal de Milwaukee” com uma intimidade que Dahmer talvez só viesse a compartilhar novamente com suas vítimas. Juntos, Derf e Dahmer estudaram para provas, mataram aula, jogaram basquete. Os dois tomaram rumos diferentes, e Derf só voltaria a saber do amigo pelo noticiário, anos depois. Em 1991, os crimes de Jeffrey Dahmer vieram à tona: necrofilia, canibalismo e uma lista de pelo menos 17 mortos, entre homens adultos e garotos. O primeiro assassinato teria acontecido meses após a formatura no colégio.

Além de remexer nos seus velhos cadernos e álbuns de fotografia, Derf consultou seus amigos de adolescência, antigos professores, os arquivos do FBI e a cobertura da mídia após a descoberta de seus crimes antes de roteirizar MEU AMIGO DAHMER.

Resenha:

Hoje trago para vocês a resenha do livro Meu Amigo Dahmer o primeiro livro do novo selo da editora Darkside Books para HQs e Mangás.

Nesse livro vamos ver como era a vida de Jeffrey Lionel Dahmer antes de se tornar o mais famoso canibal americano. Aqui veremos como era sua vida pessoal e escolar.
Derf BeckDerf nos apresenta de forma masgristal Dahmer um garoto que sofria bullying no Colégio, passava horas trancado em casa sozinho, vivia perdido em fantasias obscuras, que fazia cruéis experimentos com animais, que tinha problemas com álcool, que era gay, que que ainda tinha que aturar as brigas entre seus pais e depois o abandono da mãe que foi embora com o irmão mais novo de Dahmer.

DAHMER tinha um comportamento que merecia de atenção mais ninguém fez nada. O legal que que o autor do livro soube muito bem relatar isso em seus quadrinhos. Vemos nos olhos dos personagens a indiferença. Todos estão ocupados consigos mesmo e não prestam a atenção ao seu redor.

A cena que mais gostei foi a que Dahmer ia matar um cachorro mas no final não fez, essa foi a única vez que ele mostro Piedade.

O autor no final do livro nos traz diversos materiais extras como:
Fotos do tempo do Colégio, 
Suas Fontes e Notas sobre as cenas de determinadas páginas do Livro e nos apresenta cenas extras e cenas deletadas.

"Faturando Com Meu Amigo Dahmer" é uma história triste que relata na minha opinião uma época em que ninguém ligava para ninguém, só queriam saber de si mesmos. Não consigo considerar Derf como um amigo de Dahmer que era só um tipo de Animalzinho de Estimação para seu Grupinho que se divertiam com as imitações que Dahmer fazia e que logo foi cortado do grupo.

Dahmer era um doente infeliz que virou um monstro.

Darkside esta de parabéns pela escolha desse livro para ser o primeiro livro do novo selo e pela qualidade da impressão do livro que é de capa dura e tem as folhas grossas, são muito boas.

Dou 5 estrelas e recomendo para os amantes de HQs e os que gostam do tema.