Resenha da Graphic Novel Uma Dobra no Tempo de Madeleine L'Engle

quarta-feira, 25 de abril de 2018
Ficha Técnica:
Autora: Madeleine L'Engle
ILustradora: Hope Larson
Tradutor: Érico Assis
Editora: Darkside books
Edição: 1 (22 de março de 2018)
Capa dura: 392 páginas
Idioma: Português
Graphic Novels : Ficção Científica
Dimensões: 23 x 15,8 x 2,8 cm
Peso: 798 g
ISBN-10: 8594541023
ISBN-13: 978-859441024

Há mais de 50 anos, as palavras de Madeleine L'Engle encantam gerações de leitores e inspiram escritores a quebrarem as barreiras terrestres para explorar novos mundos. Uma dobra no tempo tem sido um dos livros mais controversos e mais banidos em bibliotecas e colégios nos Estados Unidos por receber acusações de que exaltava a bruxaria e ao mesmo tempo recebeu críticas de ser um livro escancaradamente cristão.

Em Uma Dobra no Tempo, o pai de Meg e Chales, um exímio físico, está desaparecido há dois anos. A aventura começa quando, em uma noite de tempestade, eles recebem a visita de uma senhora peculiar, a sra. Queque é, que foi tirada de sua rota pelo vento enquanto viajava pelo tempo e espaço utilizando o tesserato. Na companhia de mais duas criaturas sobrenaturais, a sra Quem e a sra. Qual, e de um garoto chamado Calvin O'Keele, eles partem pelo universo em busca de qualquer indício do paradeiro do dr. Murry. Mas o que eles descobrem vai muito além disso: todo o universo está sendo atacado pela Escuridão, uma força perigosa que traga a luz das estrelas e dos planetas, em uma luta contra o mal que parece nunca acabar.

Uma dobra no tempo é o primeiro livro de uma série emocionante e envolvente que discute temas importantes como coragem, aceitação das diferenças e a importância de acreditar em si mesmo. A jornada de Meg, uma garota chata, grossa com os professores e que anda mal na escola pelo sumiço do pai e por seu irmão caçula Chales, um garoto arrogante que sofre no Colégio por ser diferente dos outros pois possui um alto Q.I.
A autora não soube desenvolver bem a história pois falta explicação para os acontecimentos que ocorrem no livro. Você vai de uma parte para outra da história, você tem que explicar, não é simplesmente fala: quem é o Chales? O Chales é essa criança. E porque ele é assim? porque ele é. O texto é enrolado.

Os personagens não foram bem desenvolvidos pois eles não tem profundidade, são superficiais mesmo sendo uma história para o público infantil. Tem uma personagem que fala em frases populares que é insuportável.

O livro é dividido em 12 capítulos e tem sua história narrada em terceira pessoa. 

Essa edição da Darkside está simplesmente linda, com esse tom azulado que permeia as ilustrações, A capa é muito bonita e a diagramação está perfeita.

Uma dobra no tempo é uma aventura clássica, que serviu de inspiração para os mestres da fantasia e da ficção científica do mundo, agora adaptada para os cinemas pela Disney.

Por fim, a valiando a história de acordo com a ideia proposta, a qualidade, a originalidade, a profundidade e a coerência da narrativa dou 4 estrelas para esse livro e recomendo a leitura para seu filho, primo ou sobrinho.

Um pouco sobre a autora :

Madeleine L'Engle (November 29, 1918 – September 6, 2007) foi uma escritora americana conhecida pela obra infantojuvenil "Uma dobra no Tempo", vencedor do prêmio Newbery Medal e suas sequências "Um vento à porta", A Wind in the Door, A Swiftly Tilting Planet, Many Waters, and An Acceptable Time. Seus trabalhos refletem seu forte interesse em ciência moderna.

Hope Larson é roterista das história da Batgirl, da DC Comics, e ganhadora de um Eisner Award, a maior honraria para um quadrinista.

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Desenvolvido por Michelly Melo.