[POEMA] "Pequeno Príncipe" de Maximiliano da Rosa

sábado, 14 de julho de 2018
[POEMA] Pequeno Príncipe de Maximiliano da Rosa

Poema publicado em 2015 na Antologia Poética "A Palavra em Prisma". Este e outros poemas estão disponíveis também no Wattpad na coletânea "Poemas".

Pequeno Príncipe

Maximiliano da Rosa

Havia ali um pequeno príncipe,

sem roupas, roto, cansado,

deitado no chão.

Quieto diante dos estardalhaços.

Ao seu redor, nem flor, nem nada.

Apenas restos.

Os restos de pele, e as sombras transitando

de um lado para o outro.

Deitado no chão, o pequeno príncipe

não chora.

Ele dorme.

Tenta dormir.

Ele tenta.

Seu peito é uma colcha de retalhos, e suas memórias

quase nem cabem no coração apertado.

É só um menino,

mas teria sido rei.

É só um menino

sangrando.

Por um buraco aberto em sua barriga

escorrem todos os seus sonhos.

Misturam-se ao sangue,

mancham de rubro

e azul, amarelo, verde, violeta

as pedras tortas da calçada.

O menino dorme,

o menino sem pai, sem endereço.

O pequeno príncipe

abandonado para morrer.

Lá de cima, a Lua.

A grande e branca Lua

observa, quieta, muda, calada.

A Lua:

olhos arregalados e admirados

com o tamanho da insensatez do mundo.

Nenhum comentário

Postar um comentário

 
Desenvolvido por Michelly Melo.